Gelatina de Manga com Ágar-Ágar – 50 Doces Veganos

Como prometido, vim aqui mostrar como foi a minha experiência fazendo uma das receitinhas do livro 50 Doces Veganos. 🙂

Estava animada por fazer um docinho e fui procurar no livro algo que eu conseguisse fazer com os ingredientes que eu já tinha em casa.

Após folhear o livro acabei optando pela Gelatina de Manga com Ágar-Ágar. Os ingredientes necessários eram apenas água, manga, limão, açúcar e ágar-ágar. O modo de preparo também era bem simples e prometia ser uma sobremesa bem refrescante para estes dias quentes de primavera.

dsc_0248

Expectativa:

dsc_0253

Realidade:

Eu imaginava uma gelatina durinha, gelada e bem saborosa (visto que foi feita com a própria fruta). Infelizmente a realidade foi bem diferente. 🙁

Eu não coloquei as decorações sugeridas e não coloquei em diferentes potes, de resto fiz tudo igual ao indicado no livro.

Minha gelatina não ficou durinha, ficou bem cremosa. Ficou com gosto de manga velha (sabe quando você corta ela em pedaços e esquece uns dois dias na geladeira?) e o açúcar demerara não se misturou direito, dava para sentir os cristais de açúcar ao comer.

Com certeza acho uma ótima ideia esta gelatina, porém para mim não funcionou seguindo estes ingredientes e modo de preparo. Ficou realmente muito ruim e teve que ir fora! Com certeza não faria novamente.

Alguém já fez e deu certo? Conta aqui! 🙂

dsc_0265

dsc_0267

Porque não comer gelatina?

Gelatina é colorida, é bonita, é divertida, é docinha é gostosa. Porque não comer?

0gelatina

A gelatina colorida e adoçada já não é algo legal de se ingerir por conta do açúcar e dos corantes. Mas os corantes e açúcar não são o motivo para eu não consumir gelatina. A real é que a gelatina é o tal do lobo em pele de cordeiro. Mesmo quando eu comia carne se alguém chegasse e me mostrasse o que é de fato a gelatina sem toda essa fantasia que ela veste eu pararia de comer na hora.

Mas afinal o que é gelatina?

A gelatina é apenas uma versão processada de uma proteína estrutural chamada colágeno, que é encontrada em muitos animais, incluindo os seres humanos. (Só Biologia)

E de onde vem a gelatina?

A gelatina que você come vem do colágeno dos ossos, cascos e tecidos de ligação de vacas ou porcos. (Só Biologia)

A gelatina nada mais é do que os restos mortais de um ser que tinha uma vida, tinha olhos sensíveis, gostava de passear, de correr, de tomar banho de sol, gostava de compartilhar momentos com os demais…Ou seja, gostava de viver, assim como qualquer um de nós.

2vacas

1porcos

As três sequências de imagens acima são bonitas, coloridas e cheias de vida. As imagens das vacas e dos porcos são genuínas e não escondem nada por trás. Mas a gelatina tão linda, tem um histórico horrendo. As próximas imagens representam um pouco do porque de eu não comer gelatina (ou carne).

A vida linda que eu mostrei nas imagens anteriores é ceifada e transformada em morte. Vacas e porcos são mortos e eu, não acho a morte bonita. Gosto de pensar qualquer pessoa sensata também não.

4vacasmortas

3porcosmortos

5materia1

6materia2

Por a gelatina ser produzida através do que seriam “as sobras” da indústria da carne, muitos costumam comentar o tal do “mas já está morto mesmo, tem que aproveitar tudo”, porém são vários os motivos para ainda sim eu não consumir:

  • Parar com a carne e não parar de consumir gelatina funciona à curto prazo. Em algum momento em que o consumo de carne reduzir a ponto de não produzir insumos suficientes para a industria da gelatina animais serão sacrificados para cobrir as necessidades;
  • É nojento. Muito nojento. Ver a matéria prima da gelatina dá vontade de vomitar e não água na boca.
  • Acredito que qualquer ser merece respeito. Corpos de seres inocentes irem parar literalmente na mão de pessoas para que elas façam o que bem entender deles é extremamente triste e humilhante. Por mais que os animais utilizados na industria da gelatina, não tivessem sido assassinados, como são, tivessem morrido de morte natural, ver corpos de animais sendo utilizados como se a vida deles não tivesse importância é tão bizarro que eu comparo a necrofilia ou qualquer outro tipo de abuso ao corpo de um ser humano morto. Vegetarianismo e veganismo é sobre empatia. Ninguém usa o corpo de um familiar ou até desconhecido morto para fazer produzir insumos. Visto que “já está morto mesmo”, porque não consumir a carne desta pessoa e aproveitar do restante para fazer gelatina? Por respeito! Respeito a vida. E todos merecem respeito, independente da raça, do sexo, orientação sexual ou da espécie. Independente de estar vivo ou morto.

Estes são os motivos de porque eu não consumo gelatina e acredito que ninguém deveria consumir. Existem produtos veganos substitutos para gelatina que são ótimos (falei sobre isto neste post). Ou seja, é possível conseguir o efeito da gelatina em receitas e sobremesas sem todo esse passado tenebroso envolvido! 🙂

Alguns vídeos interessantes sobre o assunto:

Reportagem mostrando como é feita a gelatina, não mentindo porém sem mostrar a verdade. Um claro exemplo de como a mídia consegue omitir a parte negativa e colorir todo o restante para distorcer a realidade e gerar as opiniões que ela desejar.

Um pouco do que o vídeo acima “esqueceu” de mostrar:

Vídeo didático e interessante sobre a gelatina e sua substituição vegana:

Eaí? Que tal parar de comer gelatina a partir de hoje? 🙂

Substitutos Veganos para Gelatina

Mesmo após eu parar de comer carne, lá em 2007, eu ainda passei um bom tempo comendo gelatina por pura ignorância. Afinal, algo tão coloridinho e inocente, deve ser feito só de água, açúcar e alguns componentes químicos. Naquela época eu não procurava me informar sobre a origem das coisas então demorei um pouco ainda até me tocar dos ingredientes envolvidos na produção. A sorte foi que eu nunca fui muito de comer gelatina, então eu acabava consumindo só quando era ingrediente de algum doce.

Se você é ovolactovegetariano e consome gelatina, pare agora!!!

Gelatina é uma substância translúcida, incolor ou amarelada, praticamente insípida e inodora, que se pode obter fervendo certos produtos animais, como ossos, pele e outras partes com tecido conjuntivo.

Se você gosta de gelatina, vou te contar algo ótimo. Existe opção vegana e ela é muito melhor do que a versão animal!

A versão vegetal é feita de algas que proporcional uma textura muito similar à gelatina animal, porém ainda mais firme, ótima para utilizar em receitas!

Atualmente já existem várias opções vegetais no mercado. As marcas Gelialgas e Now Foods fornecem opções em pó sem sabor, que você pode adicionar a sucos ou em receitas para preparar do jeito que você quiser. A Gelialgas e a Bambina Doces oferecem opções já prontas para comer e a Dolce Vita ainda possui uma opção pronta zero açúcar. Recentemente a Dr. Oetker lançou no mercado a linha Meu Lanchinho com opções saborizadas para preparo em casa bem similar ao comercializado na versão animal e pode ser facilmente encontrada na maioria dos supermercados.

Algumas das opções disponíveis atualmente:

1

1 – Agar Powder – Now Foods

2 – Agar-Agar Kanten – Gelialgas

3- Gel Vegetal de Agar-agar Sabor Laranja – Gelialgas

2

4 – Gelatina Morango – Bambina Doces

5 – Gelatina Abacaxi – Bambina Doces

6 – Gelatina Limão – Bambina Doces

3

7 – Gelatina Agar Morango Zero Açucar – Dolce Vita

8 – Gelatina Agar Abacaxi Zero Açucar – Dolce Vita

9 – Gelatina Agar Limão Zero Açucar – Dolce Vita

4

10 – Meu Lanchinho Sabor Morango

11 – Meu Lanchinho Sabor Abacaxi

12 – Meu Lanchinho Sabor Uva

Conhecem mais opções? Deixem aqui nos comentários! 🙂