Bolo de Fubá

Conforme prometido vou ir postando as receitinhas de tudo que eu fiz para a festa junina. A receita que vou postar hoje é a do bolo de fubá.

1

O bolo ficou muito lindo e cresceu bastante. Eu, infelizmente, comi só um pedacinho muito pequeno dele, pois fui comendo um pouquinho de cada coisa e quando cheguei nele já não cabia mais nada. O que sobrou meu pai devorou durante o resto da semana, e diz ele que estava muito bom.

3

A receita é muito simples e prática. Poucos ingredientes e pouco trabalho. Não precisa ter nenhum dom na cozinha para fazer esse bolinho lindo. Segue a receita:

Ingredientes:

2 xícaras de farinha de trigo
2 xícaras de fubá
2 xícaras de açúcar
1 xícara e 1/2 de água morna
1/2 xícara de óleo
1 colhe de sopa de fermento químico

Modo de Preparo:

Ligue o forno em temperatura baixa e deixe pré-aquecendo.
Unte uma forma com óleo, polvilhe com farinha e reserve.
Coloque na batedeira a farinha de trigo, o fubá, o açucar, a água e o óleo. Quando tiver se formado uma massa homogênea adicione o fermento e bata por mais um pouco, apenas o suficiente para misturar o fermento.
Coloque a mistura do bolo na forma e leve ao fogo em temperatura média por cerca de 45 minutos.

2

Festa Junina

Minha mãe é uma pessoa super empolgada. Eventualmente ela inventa de preparar algo para reunir pessoas queridas. Seja um passeio ou uma festa, o importante para ela é ser algo animado.

Dessas invenções da minha mãe, no mês passado, saiu uma Festa Junina. No meio da semana ela comentou a idéia, na sexta confirmou e no sábado já saiu a festa. Tudo muito rápido. A idéia da festa era reunir a família, então não foram muitos os convidados. Achei que não daria tempo, mas todos se organizaram e saiu tudo direitinho.

Festa junina é uma ótima oportunidade para fazer uma reunião vegana. Tudo que é típico de festa junina pode ser feito de uma forma vegana sem diferença nenhuma das receitas tradicionais.

Como a idéia da festa que foi feita aqui em casa foi cada um levar um prato, infelizmente tiveram dois itens que não eram veganos. Como foi minha mãe que organizou, não tive muito como mudar isso, mas é totalmente possível mesmo neste esquema de cada um levar um prato. A dica é pedir para os seus convidados levarem coisas específicas que tradicionalmente são veganas, como Paçoquita e pinhão. Se tiver mais tempo também é válido você fazer tudo e dividirem o valor.

Tudo que eu fiz que não era tradicionalmente vegano, mas ninguém notou diferença. Ninguém sentiu falta de ovo ou leite no bolo e ninguém notou que a gelatina era ágar-ágar. Cheguei também a escutar “Vegano? Mas tem salsicha aqui!”, sobre a minha torta, que foi elogiada depois.

De comidinhas para a festa eu preparei um bolo de fubá, uma torta de cachorro quente e jello shots de vinho.

1 28

Minha mãe preparou pipoca, quentão e amendoim açucarado.

910 3

Os convidados levaram Paçoquita, mais quentão e pinhão.

11

A minha mãe fez a maior parte da decoração, fez tudo no dia mesmo, bem improvisado. Minha prima também ajudou na decoração e levou lindas bandeirinhas que enfeitaram os pratos.

7 6 5 4

A maioria dos convidados entrou no clima e foi caracterizado. Teve muita camisa xadrez, sardas falsas, blush forçado, dente preto, trancinha e chapéu de palha.

IMG_2358

Sei que não estamos mais em junho, mas ainda está friozinho, ainda tem clima de festa junina. A maioria das festas juninas que eu fui foram em julho, então por que não? Que tal planejar uma festinha com seus familiares ou parentes?

Vou me organizar para nos próximos dias postar as receitas de tudo que fui eu que fiz. Tudo ficou ótimo! Vale a pena repetir em diversas ocasiões não só festas juninas. 🙂

Bolo de Fubá, Coco e Goiabada!

Primeira receitinha aqui do blog!

3

Fiz este bolo para o dia das mães e ele fez sucesso entre o pessoal lá de casa então resolvi postar por aqui. Eu tinha uma receita base anotada já fazia um tempo, mas nunca tinha todos os ingredientes, então resolvi fazer adaptações que deram muito certo! Ficou lindo e gostoso!

4

Ingredientes:

1 xícara e 1/2 de farinha de trigo
1 xícara de fubá
1 xícara de açúcar
1 xícara de coco ralado
1 colher de sopa de linhaça
1 xícara e 3 colheres de sopa de água
1 xícara de leite de castanha de cajú
1/2 xícara de óleo
1 colher de sopa de vinagre branco
1 colher de sopa de fermento químico em pó
300gr de goiabada

Modo de Preparo:

Bata a linhaça no liquidificador até triturá-la. Coloque a linhaça triturada em um pote, acrescente 3 colheres de água e deixe descansar por 15 minutos.
Em uma vasilha, misture a farinha de trigo, o fubá, o açúcar e 1/2 xícara do coco ralado, e reserve.
Bata no liquidificador a linhaça com a água, o leite de castanhas de cajú, 1/2 xícara da água, o óleo e o vinagre.
Misture o conteúdo do liquidificador com o conteúdo da vasilha. Após formar uma mistura homogênea adicione o fermento.
Corte 150gr de goiabada em cubinhos e misture na massa do bolo.
Coloque a massa do bolo em uma forma untada e polvilhada e asse por cerca de 45 minutos em fogo baixo pré-aquecido.
Para a calda leve ao fogo baixo 150gr de goiabada e 1/2 xícara de água, mexa até derreter toda a goiabada.
Desenforme o bolo, adicione a calda por cima e polvilhe 1/2 xícara de coco ralado.

2

1