Torta de Cachorro Quente

Eu queria muito fazer cachorro quente para servir na festa junina. Comprei tudo que precisava para o recheio, mas não teve jeito de eu conseguir achar pães pequenos veganos para cachorrinho nos mercados. Desanimei e me conformei de que não ia ter como fazer. Comecei a pensar então em alguma outra coisa salgada vegana que eu pudesse fazer e tive a idéia de fazer uma torta de liquidificador. Quando estava pensando o que colocar de recheio então que veio a idéia, uma torta de cachorro quente! 😀

Ficou deliciosa! Todos amaram! Fica ótima tanto quentinha, quanto fria. Sem falar que é super fácil e rápida de fazer. 🙂

1

Ingredientes:

4 xícaras de farinha de trigo
1/2 xícara de amido de milho
3 xícaras e 1/2 de água
4/6 xícara de óleo
1 colher de sopa de fermento em pó
8 salsichas de soja cortadas em rodelas
2 tomates médios picados
1 cebola média picada
2 dentes de alho picados
2 colheres de extrato de tomate
1 xícara de batata palha
1/2 xícara de catchup
1/2 xícara de mostarda
1 lata de ervilha
1 lata de milho
Sal à gosto

Modo de Preparo:

Em um liquidificador coloque a farinha de trigo, o amido de milho, 3 xícaras de água, 3/6 de xícara de óleo, o fermento e sal à gosto. Bater até formar uma massa homogênea e reservar.
Em uma panela colocar 1/6 de xícara de óleo, o alho e a cebola. Quando dourar adicionar a salsicha e refogar. Quando a salsicha dourar adicionar o tomate, o extrato de tomate, 1/2 xícara de água e sal à gosto. Tampar a panela e deixar cozinhar em fogo baixo até começar a secar o molho.
Em uma forma colocar metade do conteúdo do liquidificador. Por cima, colocar o molho de salsicha, adicionar a ervilha e o milho. Cobrir o recheio com o restante da massa.
Levar ao forno e deixar assar por aproximadamente 45 minutos.
Cortar em pedaços e colocar por cima a mostarda, o catchup e a batata palha.

2 3

Festa Junina

Minha mãe é uma pessoa super empolgada. Eventualmente ela inventa de preparar algo para reunir pessoas queridas. Seja um passeio ou uma festa, o importante para ela é ser algo animado.

Dessas invenções da minha mãe, no mês passado, saiu uma Festa Junina. No meio da semana ela comentou a idéia, na sexta confirmou e no sábado já saiu a festa. Tudo muito rápido. A idéia da festa era reunir a família, então não foram muitos os convidados. Achei que não daria tempo, mas todos se organizaram e saiu tudo direitinho.

Festa junina é uma ótima oportunidade para fazer uma reunião vegana. Tudo que é típico de festa junina pode ser feito de uma forma vegana sem diferença nenhuma das receitas tradicionais.

Como a idéia da festa que foi feita aqui em casa foi cada um levar um prato, infelizmente tiveram dois itens que não eram veganos. Como foi minha mãe que organizou, não tive muito como mudar isso, mas é totalmente possível mesmo neste esquema de cada um levar um prato. A dica é pedir para os seus convidados levarem coisas específicas que tradicionalmente são veganas, como Paçoquita e pinhão. Se tiver mais tempo também é válido você fazer tudo e dividirem o valor.

Tudo que eu fiz que não era tradicionalmente vegano, mas ninguém notou diferença. Ninguém sentiu falta de ovo ou leite no bolo e ninguém notou que a gelatina era ágar-ágar. Cheguei também a escutar “Vegano? Mas tem salsicha aqui!”, sobre a minha torta, que foi elogiada depois.

De comidinhas para a festa eu preparei um bolo de fubá, uma torta de cachorro quente e jello shots de vinho.

1 28

Minha mãe preparou pipoca, quentão e amendoim açucarado.

910 3

Os convidados levaram Paçoquita, mais quentão e pinhão.

11

A minha mãe fez a maior parte da decoração, fez tudo no dia mesmo, bem improvisado. Minha prima também ajudou na decoração e levou lindas bandeirinhas que enfeitaram os pratos.

7 6 5 4

A maioria dos convidados entrou no clima e foi caracterizado. Teve muita camisa xadrez, sardas falsas, blush forçado, dente preto, trancinha e chapéu de palha.

IMG_2358

Sei que não estamos mais em junho, mas ainda está friozinho, ainda tem clima de festa junina. A maioria das festas juninas que eu fui foram em julho, então por que não? Que tal planejar uma festinha com seus familiares ou parentes?

Vou me organizar para nos próximos dias postar as receitas de tudo que fui eu que fiz. Tudo ficou ótimo! Vale a pena repetir em diversas ocasiões não só festas juninas. 🙂