Molho de manjericão – A Cozinha Vegetariana de Astrid Pfeiffer

Segunda-feira eu postei aqui no blog sobre o livro A Cozinha Vegetariana de Astrid Pfeiffer. Neste mesmo post eu comentei que tinha ficado ansiosa por fazer mais algumas das receitas que estavam nele, uma delas era a do molho de manjericão.

Em agosto eu almocei diversas vezes no restaurante Ubaiá em Florianópolis. E lá eles servem um molho de manjericão delicioso para colocar na salada. Fiquei realmente viciada no molhinho e quando vi que no livro tinha uma receita de molho de manjericão fiquei louca para tentar reproduzir.

A ideia deste post, e de possivelmente próximos que virão no mesmo estilo, é fazer meio que um expectativa x realidade de receitas.

A receita do molho de manjericão está na página 68 do livro. Precisa de apenas 3 ingredientes, e o modo de preparo também é bem simples. Apenas bater os itens no liquidificador.

dsc_0363

Expectativa:

dsc_0362

Realidade:

O molho é realmente delicioso! Coloquei na salada e fiquei com vontade de comer muita salada! 😛 Só é preciso maneirar na quantidade, pois afinal a base dele é azeite de oliva que é bem calórico.

A aparência dele também ficou muito parecida com a da foto e foi extremamente fácil de preparar. Os pontos negativos foram a sujeira (afinal, lavar liquidificador sujo de gordura não é nada legal 🙁 ), e o fato que eu não tinha onde guardar. Não tinha nenhum vidrinho para tempero aqui em casa e a receita rende bastante (mesmo eu tendo feito apenas meia receita) então tive que adaptar um recipiente para armazenar. Mas mesmo com estes empecilhos, valeu a pena e eu com certeza faria novamente! 🙂

dsc_0359

Livro de Receitas: A cozinha vegetariana de Astrid Pfeiffer

Minha mãe sempre manteve um caderninho com receitas que ela pegava com alguma amiga, de programas na que passavam na televisão e também com colagens de receitas que vem atrás de produtos. Até hoje aquele caderninho, que eu me lembro de ver desde que me entendo por gente, bem velho, cheio de páginas já soltas e sujas de ingredientes, habita uma das gavetas da cozinha.

Minha vó, por sua vez, além de um caderno em que anota as receitas que ela gosta, ainda coleciona revistinhas de receitas, destas que sempre tem perto dos caixas nos supermercados.

Eu ainda pretendo criar um caderninho cheio de receitas veganas para poder compartilhar com meus futuros filhos também, mas enquanto não o tenho, eu tenho colecionado alguns livros de receitas veganas para poder fazer uma prateleira cheia de sugestões deliciosas para dias de diversão na cozinha.

Não tenho o costume de utilizar livros de receitas no dia-a-dia. Pra mim, receitas de livros são para fins de semana ou para dias especiais. Normalmente algum ingrediente solicitado não tem em casa e precisa ser comprado, leva mais tempo o preparo, pois precisa ficar lendo as instruções. Mas, acho que exatamente pelas boas memórias que tenho com a minha mãe e com a minha vó, eu gosto do fato de tirar um dia pra fazer aquele bolo que tem uma cara gostosa, ou até mesmo fazer várias das receitas em um mesmo fim de semana.

Outra utilidade que eu vejo é aprender. Cada receita diferente feita através do passo a passo sugerido por outra pessoa traz consigo a possibilidade de aprender novas técnicas que podem ser utilizadas nas receitas do dia-a-dia.

Ultimamente tem surgido muitos livros de receita veganos. Cada vez que vou na livraria encontro algo novo e tenho que me segurar para não levar pra casa! Todas estas novas publicações surgindo é algo ótimo, traz visibilidade para o veganismo e mostra o quanto a culinária sem produtos de origem animal é deliciosa e cheia de possibilidades!

Aos poucos vou mostrar por aqui os livros que tenho e comentar um pouquinho sobre eles para que vocês possam conhecer e ver com quais se identificam para comprar para vocês também ou quem sabe dar de presente para alguém. 🙂

O primeiro livro que vou mostrar hoje é o “A Cozinha Vegetariana de Astrid Pfeiffer”. A autora, Astrid Pfeiffer, é uma nutricionista vegetariana desde 2005, que inicialmente começou a elaborar as receitas para uso pessoal, porém seus pacientes a mostraram de que as receitas poderiam beneficiar muitas pessoas então ela consolidou as receitas vegetarianas, saudáveis, naturais e integrais em um livro.

dsc_0214

O livro possui um capítulo introdutório que trata de forma bem concisa sobre a nutrição de pessoas vegetarianas. Possuí também uma tabela com as necessidades diárias de ingestão de nutrientes, algumas dicas para uma alimentação saudável e também sugestões de como utilizar o livro. Ao fim do livro também é apresentado um plano alimentar de 10 dias, com sugestões de como as receitas podem ser consumidas durante este tempo.

As receitas são bem diversificadas e estão divididas em nove seções, são elas: Patês, Sopas, Saladas, Molhos para Saladas, Pratos Principais, Lanches e Sobremesas, Receitas Funcionais, Sucos e Chás.

dsc_0230

Neste livro todas as receitas possuem foto ilustrando o resultado final. Eu amo isto, pois sou dessas que escolhe a receita que vai fazer pela foto! 😛 E todas as fotos são lindas e bem produzidas, dão água na boca!

dsc_0219

dsc_0227

A lista de ingredientes de cada receita é apresentada com medidas caseiras (xícara, colher…) e também em gramas O modo de preparo por sua vez é bem claro e objetivo.

Cada receita ainda traz consigo a informação nutricional, a informação de se contém ou não glúten, o rendimento em porções, sugestão de adaptações de ingredientes e também uma lista dos nutrientes em quais a receita é rica.

dsc_0221 dsc_0224

Os ingredientes utilizados na maioria das receitas são bem simples, na sua maioria, normalmente coisas que se tem em casa no dia-a-dia. O número de ingredientes por receita e também o número de instruções no modo de preparo não costuma ser muito grande. Considero este um dos livros de receita mais simples que tenho em casa!

Aqui em casa já fizemos algumas receitas dele e foi realmente bem simples de seguir as instruções. Inclusive, folheando ele aqui agora vi outras receitas que tenho os ingredientes em casa e já fiquei louca para preparar! 😀

dsc_0226

Já conheciam este livro? Quais livros de receitas vocês indicam? 🙂